Profissões do futuro

Não é preciso ter uma bola de cristal para adivinhar como será o mercado de trabalho amanhã. Especialistas indicam que as profissões promissoras estão muito mais próximas do que você imagina

Quais serão as profissões do futuro? Existirão técnicos em teletransporte? Ou especialistas em carros voadores? Provavelmente sim. Mas o futuro pode ser muito mais simples do que a sua imaginação pode criar. Especialistas apostam que as áreas mais promissoras serão justamente as que estão ligadas à realidade das pessoas atualmente: meio ambiente, tecnologia e saúde.

Mundo sustentável
A preocupação com o a ecologia, por exemplo, só tende a aumentar e a sociedade já está se mobilizando em busca de um futuro mais verde. “Eu sou uma pessoa feliz, porque eu sinto que estou no lugar certo e na hora certa”, afirma Zuleica Perez, assistente executiva da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb). Para fazer carreira na área algumas opções são gestão ambiental, geografia, agronomia ou engenharia ambiental.

High Tech

Quem prefere um futuro high tech pode trabalhar com segurança de informação, engenharia de redes, engenharia mecatrônica e robótica. “Comecei a estudar bem na hora em que empresas dos EUA vieram para cá investir no ramo”, afirma o estudante Rafael Ferrari, aluno de jogos eletrônicos que programa games para celulares. Uma novidade que ainda vai se desenvolver neste ramo são os diferentes tipos de interação com a interface dos jogos, no melhor estilo Wii, da Nintendo. Outro exemplo é a técnica de realidade aumentada, forma de visualizar imagens, o software reconhece a figura bidimensional e projeta nela objetos em 3D e animações.

Geração saúde
Se o seu perfil tem mais a ver com saúde, então o negócio é correr atrás de pesquisas genéticas, de manipulação farmacêutica e outras áreas afins. Eduardo Costa, diretor do Centro de Engenharia Biomédica da Unicamp, diz que “a utilização da microeletrônica e da nanotecnologia na área de saúde é um desafio. Muita coisa será desenvolvida nos próximos 50 anos.”

Tendo em vista que as pessoas vão, cada vez mais, passar muitas horas em frente ao computador e em posições inadequadas, uma boa aposta pode ser a fisioterapia e a massoterapia, que ajudam na recuperação de pacientes com problemas posturais. Porém, se você tem mais jeito para estética, talvez seja interessante entrar de cabeça no ramo da cosmetologia e visagismo.

Independente do que você quer fazer, o que vale mesmo para se dar bem é escutar a si mesmo, combinar seus interesses pessoais com as previsões de como estará o mercado e investir na qualificação profissional. Afinal, é você quem faz o seu futuro.

Publicação original: Site Ikwa (25/11/2009)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s